Baixe Um Destes Guias de Presente:

(emagrecimento)

(aumento de massa)

IMG_9694 Gi1

1- Faça um planejamento: O primeiro passo para mudar seu estilo de vida é receber as orientações de e/ou descobrir tudo o que você terá que mudar à partir de agora! Não tenha pressa, saiba planejar suas refeições, horários da rotina, treinos, sono, etc. Se você começar as mudanças de qualquer forma e sem consciência, irá se sentir perdido, desanimado e sobrecarregado… então um passo de cada vez.

2- Faça trocas inteligentes: Decida que você irá reduzir drasticamente o consumo de industrializados, farinha branca, sal, açúcar, refrigerantes e fritura – quanto mais natural os alimentos que você consumir, melhor! Dessa forma seu corpo irá responder de forma muito mais rápida. Ao longo dos dias, você terá que aprender a fazer as substituições, como por exemplo: quando a vontade de comer doces aparecer, fuja dos chocolates ou bolos e comece a consumir barra de proteínas sem açúcar, banana assada com canela e adoçante, gelatina 0%, frutas secas com castanhas, açaí com frutas, salada de frutas e doces funcionais à venda em lojas de produtos naturais.

3- Aumente o consumo de água e chás naturais: a hidratação é importante pelo simples fato de que pessoas desidratadas ficam mais cansadas, desanimadas e cheias de toxinas. Além do que, um corpo desidratado envelhece mais rápido, a pele/unhas e cabelos não ficam tão bonitos e o intestino e rins podem não funcionar corretamente. Todos esses fatores juntos são bombas perigosas para sua saúde. Então tenha certeza que sua ingestão de água por dia é maior que 2 litros para mulheres e 3 litros para homens – dessa forma, seu corpo irá apresentar melhores resultados estéticos e de rendimento.

4- Não se preocupe com peso: Saiba ter paciência! Pessoas muito ansiosas costumam ter mais dificuldades em ter bons resultados e desanimam facilmente. Se você está engajado num bom programa de treinamento que inclua exercícios cardiovasculares e com pesos, não tem razão para se preocupar inicialmente com o peso: o corpo oscila muito no começo e pode ser uma armadilha você se preocupar com isso…. Dedique-se ao trabalho para aumentar sua massa magra, melhorar sua alimentação e tenha calma! Quando você menos esperar, já estará com um corpo diferente.

5- Mude seu paladar: Comece a preparar seus alimentos de forma diferente e evite o máximo que puder comer na rua e/ou na casa de pessoas que não cozinham visando uma alimentação mais “limpa” como dizem os americanos (clean diet). Reduza o sal, exclua temperos e molhos industrializados, aposente os óleos, esqueça as frituras e empanados e deixe seu paladar acostumar com uma alimentação simples e sentir o gosto dos alimentos (e não dos temperos artificiais). O que você deve fazer é usar temperos naturais como: orégano, limão, açafrão, cominho, alho, cebola, vinagre, azeite, páprica, pimentas, etc.

6- Seus treinos são compromissos inadiáveis: Se você realmente quer mudar seu corpo de vez, precisa entender que o horário do treino é um compromisso que deve estar na agenda, assim como seus compromissos de trabalho e pessoais. É o horário que você se compromete a investir em você! É a sua hora! Tenha a ciência de que quanto mais você adia, cancela ou pula treinos, mais vai demorar para mudar seu corpo… então crie estratégias que não o deixe pular essa hora tão importante do dia.

7- Saiba dizer não: Quando nos comprometemos a mudar nosso estilo de vida, corpo e saúde, temos que aprender a falar NÃO para o que poderá nos tirar desse objetivo.

8- Aumente o consumo de gorduras vegetais: Um hábito muito constante na dieta de pessoas do mundo fitness é a ingestão diária de diversas fontes de gorduras vegetais! Esse tipo de gordura auxilia no aumento de massa magra, regula a produção de hormônios, dá força, energia e disposição, promove saciedade e melhora o intestino! Além do que, são alimentos deliciosos e que podem ser usados no lugar de alimentos fontes de carboidratos refinados. Consuma diariamente pequenas porções de: abacate, castanhas, amêndoas, amendoim, pasta de amendoim, azeite, óleo de coco, óleo de gergelim, etc. – coloque uma porção em cada uma de suas refeições do dia.

9- Nada de fazer dieta zero carboidratos: no desespero de emagrecer/definir, muitas pessoas excluem praticamente (ou grande parte) das fontes de carboidratos da dieta. Exagerar na restrição de carboidratos altera o funcionamento básico do metabolismo, o que poderá causar efeitos colaterais como: fadiga, preguiça, sono, stress, mau humor, desânimo, depressão, perda de massa muscular e água, aparecimento de compulsões e ganho de peso rápido com a reintrodução do carboidrato na dieta. Então, cautela: esse não é o caminho mais seguro para uma boa e longa queima de gordura! Exclua os carboidratos refinados, mas mantenha os naturais e integrais.

10- Fique longe das calorias que parecem inofensivas: na hora do desespero de comer algo, muitas pessoas ficam beliscando coisinhas que acham que não trarão prejuízo…, mas é aí que mora o perigo! Exclua: balas, chicletes, refrigerantes, docinhos, bolachinhas, bombons, sucos, cafezinhos com açúcar, excesso de frutas, pães, etc. tudo isso deverá ser cortado e/ou eliminado da dieta.